web analytics

Sempre ouvi tenores cantando e sempre me agradou. Eu gosto de música clássica. Ouço no carro. Desde pequena meu pai e meu avô e tio-avô Pedro colocam no som Pavarotti, Placido Domingo, José Carreras e mais recentemente Josh Groban. Eu sempre gostei, mas eu nunca tinha assistido a uma ópera, apenas flashs na televisão e não sabia se iria gostar.

Tive a oportunidade de ir ao Teatro Carlos Gomes final do ano passado com uma amiga do italiano e nós assistimos à nossa primeira ópera em italiano!

Era com artistas locais e a  intenção era ver se nós entendiamos o italiano, só que a tradução estava em desacordo com o que estava sendo cantado, ora mais rápido, ora atrasado e eu estava percebendo pois conseguia entender um pouquinho de italiano. Cheguei a falar com o diretor no final (até porque, infelizmente tinha pouca gente assistindo) e fiquei bem irritada quando ele disse que viu que estava errado.. e.. não fez nada, por quê?

Teatro Carlos Gomes em Vitória – ES

 Essa ópera fez parte do 1ª Festival de Música Erudita e se chamava o Combatimento entre Tancredo e Clorinda, em italiano e também a ópera O Telefone, em português.

eu e Gil

 Foi muito interessante para mim porque eu descobri que não era chato, como eu imaginava que poderia ser. Eu adorei.

E agora que eu decidi ir a Buenos Aires, já fui procurando o que teria de apresentação no Teatro Cólon.
Teatro Carlos Gomes

Era uma ópera o dia em que eu estaria na cidade de Buenos Aires e eu esperei abrir para compra. Abriu numa manhã às 10 horas. às 10:20 já estava quase tudo tomado! Era uma ópera disputada. Ainda tinha para comprar, mas enfim, eu não podia pagar as melhores cadeiras, lá embaixo. Custavam cerca de 500 reais. Paguei cerca de cento e poucos reais e sentei na primeira cazuela do lado esquerdo, na terceira cadeira. Eu sabia que eu não ía ver tudo do melhor ângulo, mas não era o pior.

Olha mais ou menos a minha visão.

Então eu me inclinava para a frente e conseguia ver melhor. Olha como esse teatro é suntuoso, lindíssimo. Você pode ver a orquestra que toca durante a ópera lá embaixo ao vivo. e lá em cima passava a tradução em espanhol.

Uma beleza, ouvindo italiano (e entendendo) e lendo a tradução em espanhol. Foi mesmo um espetáculo!

Eu simplesmente adorei a ópera que foi “El Barbero de Sevilla”, Figaro!

Eu gostei porque a peça era boa,porque entendi italiano, porque adorei o teatro Cólon. Foi uma experiência maravilhosa. Durou três horas e eu nem vi passar.

Foi uma experiência maravilhosa. E eu fui sozinha.

Agora quero ver quando será a próxima oportunidade de assistir a outro espetáculo desse. Aqui em Vitória não é comum como no Teatro Municipal de São Paulo.

No teatro Cólon você também pode ver apresentações de orquestras. E pode visitá-lo de dia. Tem um café super gostoso no térreo numa das entradas (são três ou quatro).

Ouça no vídeo abaixo, lá pra depois de 2 minutos, quase três uma das músicas da peça. Essa é conhecida.

A coisa mais famosa do teatro é a sua acústica. Se não me engano, os cantores não utilizaram microfone e a acústica era simplesmente perfeita!

Quer procurar hotel em Buenos Aires? utilize o Booking. Clicando neste link, você não paga nada a mais por isso, mas dá comissão para o blog. Obrigada.

(1830)




Escolhendo os serviços para sua viagem, clicando nos banners abaixo,
você não paga nada a mais por isso e dá comissão para a manutenção do blog:
Escolha sua HOSPEDAGEM no BOOKING:
Escolha um SEGURO para sua viagem:
Escolha passeios com a VIATOR:
Viator
Siga o Descortinando Horizontes nas redes sociais 
redes 

sociais do descortinando horizontes

Receba as novidades do Descortinando Horizontes por email 

(não se esqueça de validar a inscrição clicando no link que você vai receber no seu email)

  Instagram Google + Facebook Twitter    
  • Fernanda

    Olá, fiquei com uma dúvida. Quando entrei no site do teatro Colon, apareceu que a Cazuela é somente para mulheres. Mas nas suas fotos vi também homens sentados neste setor. Você poderia, por favor, exclarecer esta dúvida? Grata.

    • Olá Fernanda. Acabei de enviar um email para o teatro perguntando, ok?

      info@teatrocolon.org.ar

      Quando responderem, venho te dar a resposta. O melhor é perguntar diretamente a eles. abraços.

      • Fernanda

        Muito obrigada!

        • Fernanda, eu não me esqueci de voce. Mas eles nao me responderam ainda! Mande um email tambem! abracos!